sábado, 25 de maio de 2013

Pastas

Eu adoro pastas! Pastas organizam nossa vida.

Aprendi, num curso de memorização e concentração que eu fiz, que organizar é fundamental. Organizar aumenta nossa eficiência. Organizar ajuda-nos a ter foco.

Nos últimos dias, senti uma diferença enorme aqui em casa após organizar algumas tralhas, tipo móveis e objetos de cozinha. A sensação é muito boa. Sinto-me muito mais leve, muito mais livre para pensar em outras coisas.

Mas vamos às pastas!


Esta é a minha "coleção" de pastas, que eu uso para organizar tudo quanto é papel. Comprei a maioria delas há alguns anos, quase todas na Kalunga. Mas muitas outras papelarias as têm. Cada uma tem seu uso. Vamos a algumas delas!


Esta é uma pasta sanfonada conhecida por alguns como porta-cheque. Em vez de guardar cheques nelas, guardo cupons fiscais, comprovantes e tudo o mais de pequeno que aparece todo mês.



Esta é uma pasta sanfonada conhecida por alguns como porta-duplicata. Duplicata, até onde eu sei, é uma parada contábil, tipo nota promissória. Mas eu não guardo duplicatas nela. Em vez disso, guardo as contas de cada mês e outras despesas com manutenção do imóvel. Ela é mais alta do que a porta-cheque, tornando-a apropriada para essa finalidade.



Esta é uma pasta com elástico, normal. Uso-a para coisas médicas: exames, receitas etc.


Essa é uma pasta com um nome legal: polionda! Lembra-me bastante da escola. Ela é mais alta, larga, comprida e espessa do que a média. Isso torna-a ótima para guardar, por exemplo, recordações! Ou outras coisas que exigem mais espaço.




Essa é uma pasta sanfonada de papel cartão, numerada de 1 a 31 e "letrada" de A a Z. Ela é mais pesadona e resistente. Acho que essa foi a primeira que eu comprei, uns 4 anos atrás. Sabe aqueles manuais de instruções e notas fiscais de produtos, que você quer guardar, mas não sabe onde? Agora, já sabe! Esse tipo de pasta praticamente nasceu para isso. Você também pode guardar diplomas, certificados, documentação de empregos etc. Você indexa o que quer pela letra inicial e depois acha tudo fácil, sem grilo. É igual sistema web bem feito: escala!



Esta é a pasta em L. É provavelmente a minha favorita! Serve para proteger e juntar papéis, além de ser ótima para "causar uma boa impressão", dando uma aparência profissional quando você vai entregar documentos para alguém. Além dessa finalidade, ela também pode ser usada para agrupar documentos relacionados, para depois ser guardada na gaveta ou mesmo dentro da pasta sanfonada de A a Z. Assim, você facilita ainda mais localizar o que precisa.



Essa minha admiração por pastas nasceu da minha necessidade de organizar meus papéis. Sempre achei um absurdo acumular um monte deles e nunca achar o que eu precisava. Isso, na minha opinião, era viver o pior dos dois mundos: encheção de saco por juntar papel + encheção de saco por não achar papel.

Um belo dia me liguei: "Véio... Eu sou computeiro. Como é que pode eu saber organizar gigabytes de informação, de forma a poderem ser encontrados eficientemente, e não dou conta de fazer o mesmo com simples papéis?". Com o tempo, fui percebendo que o lance que rege a organização eficiente de dados no computador é o mesmo do mundo físico. Resumidamente, pode-se dizer que é: indexação, regras simples e árvore de conhecimento. Indexar é usar índices para localizar o que se quer. Regras simples são coisas tipo "tal tipo de coisa está em tal lugar, ponto". E árvore, para quem não está acostumado com o conceito, é tipo assim: o documento tal está dentro da pasta em L, que está na letra tal da pasta sanfonada, e a pasta sanfonada está na gaveta tal, dentro do armário tal. Você primeiro acessa o armário, depois a gaveta, depois a pasta sanfonada, depois a letra daquela pasta, depois acha a pasta em L e depois acha, finalmente, o documento. Essa organização reduz o tempo de busca para uma quantidade grande de documentos. É igualzinho ao que um Sistema Gerenciador de Bancos de Dados faz no computador.


Bom, este foi um post bem diferente, escrito mais rápido e com menos revisão!

4 comentários:

Viii disse...

Também adoooro pastas.
Mas sabe o que mais me atrai?
Mais do que pastas?
Estantes.
Fí-Do-Céu!
Até estava comentando com uma amiga minha esses dias: tenho um 'tesão' digamos assim por estante que você não sabe o tanto.
Amo, amo , amo, amo!
O lugar perfeito pra agrupar meus livros, agendas, paaaaastas.
Ai Fi. Bom demais guardar das coisas e saber que vai dar conta de encontrar depois.
Vou casar-me com um marceneiro.
Para ele encher a nossa casa de estantes!!!
Beijos

Silvio L. disse...

Organizar é FUNDAMENTAL!

Eu hoje fico dividido entre o mundo digital e o mundo analógico. Meus arquivos estão espalhados entre os dois, hehe. É difícil ser 100% digital, mas confesso que acho muito difícil ser organizado com papéis... Êta, dilema...

Selma disse...

Gostei desse Blog, obrigada pelas dicas de organização. Por enquanto estou nessa fase de "o pior dos dois mundos: encheção de saco por juntar papel + encheção de saco por não achar papel"! Estou justamente tentando me entender com as benditas pastas sanfonadas de números e letras. Me entendo melhor com computadores, mas preciso urgentemente me organizar com os papéis! Ainda bem que encontrei seu Blog!

André Valenti / @awvFi disse...

Olá, Selma! Fico feliz que tenha te ajudado! Boa sorte nas organizações!